Pesquisa

Filtros


  • Franchising

    16 de Junho de 2021

    Franchising Ativo kids

    Ler
  • Planeta Terra

    21 de Abril de 2021

    Algumas curiosidades sobre o Planeta Azul

    Ler
  • A importância da água

    22 de Março de 2021

    A água no Planeta

    Ler
  • Abertura de lojas

    18 de Março de 2021

    Venda ao postigo

    Ler
  • Rebranding Ativo

    5 de Março de 2021

    A Ativo mudou!

    Ler
  • 2020

  • ... e troque nas lojas físicas.

    15 de Novembro de 2020

    Encomende Online

    Ler
As crianças têm namorado?
10 de Fevereiro de 2021
ativo

Afinal, as crianças namoram?

Estamos no mês dos namorados e o dia mais romântico do ano é já este fim de semana.

Quem nunca perguntou a uma criança se tem namorado/a? Porém, as crianças não têm namorado, nem namoram. Têm sim, amigos que gostam de brincar, conversar, dar a mão, abraçar…

É natural que as crianças queiram imitar os adultos e sentirem-se crescidas e isso faz parte do seu crescimento. Contudo, não devemos romantizar as interações infantis pois poderemos estar a afetar o desenvolvimento das crianças. Este deve ser feito de forma natural, a seu tempo, sem saltar etapas.

Entre os 3 e os 6 anos, as crianças estão na descoberta do mundo sensorial, percebem a diferença entre géneros masculino e feminino e começam a perceber que são seres independentes dos seus pais. Nesta fase a criança não tem qualquer entendimento sobre a sua sexualidade nem a dos outros.

A curiosidade pelo outro é natural e devemos dialogar com a criança para tentar elucidá-la estabelecendo corretamente os conceitos, com linguagem adequada a cada faixa etária.

Só por volta dos 12 anos, altura da puberdade, é que o adolescente começa a conseguir entender, de forma correta, o que é o namoro.

É importante, para um bom desenvolvimento psicológico das crianças, que haja uma boa comunicação por parte dos pais. Estes devem falar com a criança sem “tabus”, esclarecer-lhe as suas dúvidas, de forma a que a criança não procure as respostas às suas perguntas por si própria, podendo tirar conclusões erradas.

Troquem a palavra “namorados” por “amigos” quando estiverem a falar com as crianças e peçam aos outros familiares que também o façam. As crianças imitam tudo o que os adultos fazem, como tal é essencial dar-lhes apenas os estímulos necessários.

Não se esqueçam, as crianças têm amigos e não namorados!

Tags namorados diadosnamorados crianças menino menina roupainfantil ativokids roupadecriança
Ativo

Portes Grátis

Compras >50.00

Ativo

Cartão Cliente

Vantagens